fbpx

Mal ou mau? Descubra a diferença e como usá-las de uma vez por todas

Mal ou mau

Afinal, qual a diferença e quando usar cada uma dessas palavras?

É exatamente isso que você irá descobrir neste conteúdo.

E não somente isso, como também outros pontos importantes para saber quando usar mau ou mal de uma vez por todas.

E parar de passar vergonha na hora de escrever.

Por isso, continue a leitura e descubra:

  • Por que saber a diferença de mal e mau?
  • Qual a diferença de mal ou mau?
  • Quando usar mau ou mal;
  • Exemplos com mau;
  • Exemplos com mal;
  • Pronúncia de mau e mal: homófonos;
  • Perguntas frequentes.

Bora para o conteúdo!

Por que saber a diferença de mau e mal?

Aprender qual a diferença entre mal e mau é essencial para utilizá-las no contexto certo.

Desta forma, você tem a certeza de usar a palavra certo no momento certo, evitando o risco de causar algum desentendimento em alguma situação.

Quem trabalha com a internet sabe muito disso que estamos falando, aliás, uma simples vírgula pode mudar todo o contexto e causar uma tremenda confusão.

Por isso, é de extrema importância buscar conhecimento de como se escreve determinada palavra, para evitar conflitos.

Segue um exemplo na prática.

  • Não, vai ter briga.
  • Não vai ter briga.

Na primeira frase, o lugar onde a vírgula está indica que haverá briga.

Enquanto na segunda tem o sentido totalmente contrário, onde não terá briga e ponto final.

Só neste simples exemplo você consegue perceber o poder da escrita, não é verdade?

Uma simples vírgula pode mudar tudo.

Então, para não ter mais erros quando se trata de mal ou mau, vamos explicar agora qual a diferença e como usar cada uma delas.

Qual a diferença de mal ou mau?

A diferença de mal ou mau é simples, a palavra “mal” é antônimo de “bem”, já a palavra “mau” é antônimo de “bom”.

Essa simples regrinha é suficiente para te ajudar na hora de escrever, seja um texto, um email ou até uma mensagem.

Mau é sempre adjetivo, e tem como significado ruim, imperfeito, que causa prejuízos. Ou seja, é utilizado para descrever algo ou alguém de forma negativa.

Já “mal”, pode ser classificado como advérbio de modo, um substantivo ou uma conjunção.

Como advérbio, a palavra aponta que algo não foi bem executado.

Quando substantivo, refere-se à doença, tristeza ou problemas.

E, como conjunção, mostra uma passagem de tempo, podendo trocar expressões como “assim que”, “logo que” e “quando”.

E claro, não esqueça de se atentar como utilizar cada uma delas.

“Mal”, como substantivo e no plural, torna-se “males”.

“Mau”, como adjetivo no gênero feminino, vira “má” e, como plural, tem “maus” e “más”.

Quando usar mau ou mal

Agora que você já sabe qual a diferença entre mal ou mal, nada mais justo do que mostrar exemplos de como utilizá-las, não é mesmo?

Por isso, segue abaixo alguns exemplos.

Exemplos com mau

  • Você está sendo mau!
  • Que mau exemplo hein!
  • João é um mau perdedor;
  • Isso é uma atitude má (feminino de mau)
  • Pedro foi demitido porque era um mau funcionário;
  • Sempre soube que ele tinha mau-caráter;
  • Vish, a Maria acordou de mau humor;
  • Ela é conhecida como a rainha má;
  • Você é um mau namorado para mim.
  • Ele foi mau para você?
  • A fulana seguiu por maus caminhos;
  • Desculpe o mau jeito, estava nervoso demais!
  • Ninguém estava contando com esse mau tempo;
  • Nem vem com essa cara de mau;
  • Sem dúvida, você está fazendo mau uso dessa ferramenta.

Exemplos com mal

Exemplos com mal (advérbio)

  • Acho que estou me sentindo mal. Vou para o hospital;
  • Ela está claramente passando mal;
  • Chega de falar mal dos meus amigos;
  • Foi mal Fernanda, não queria ter te magoado;
  • Você sabe que fumar faz mal à saúde!
  • Você não entendeu a tarefa? Você fez tudo mal. 

Exemplos com mal (substantivo)

  • Você não faz ideia do mal que ele me faz;
  • Você sabe que ela é do mal;
  • A fulana me causou um grande mal;
  • Eu realmente não desejo mal a ele;
  • Todo o mal deve ser evitado;
  • Este é um mal que ninguém deve passar;
  • O meu mal é esta doença que não me deixa em paz.

Exemplos com mal (conjunção)

  • Mal saí do curso, meus pais já estavam esperando por mim na rua;
  • Mal ele chegou, ela saiu da sala;
  • Mal amanheceu e eles já voltaram da festa;
  • Mal pisei na rua, a chuva começou;
  • Mal abri a boca, e a Maria começou a gritar comigo;
  • Mal cheguei, e já tive que falar na frente de todo mundo.

Palavras homófonas

Como você já sabe mal e mau são pronunciadas igualmente, ou seja, elas são consideradas palavras homófonas, já que possuem a mesma pronúncia, mas escritas e significados diferentes.

E, obviamente, existem outras palavras que pertencem a este grupo de palavras homófonas, como por exemplo:

  • Cela e sela;
  • Censo e senso;
  • Concerto e conserto;
  • Cinto e sinto;
  • Houve e ouve;
  • Trás e traz;
  • Vaso e vazo;
  • Concelho e Conselho.

Perguntas frequentes sobre mal ou mau

Agora, para este conteúdo ficar ainda mais conteúdo sobre mal ou mau, vamos dar respostas a algumas perguntas frequentes que circulam na internet.

Mau humor ou mal humor?

É correto utilizar mau humor, aliás o contrário de mau é bom. Então, é correto escrever como exemplo: “Que chato! Você está de mau humor de novo”.

Menos mal ou menos mau?

O correto é utilizar a expressão “menos mal”, aliás a mesma se refere ao contrário de “mais bem”. Por ser um advérbio, menos mal é invariável. Segue um exemplo: “Enjoei nesta viagem, mas passei menos mal do que das outras vezes”.

Mau caráter ou mal caráter?

É correto utilizar mau caráter ao invés de mal caráter. Isso porque “mau” é antônimo de “bom”. Segue exemplo: “Fulano é mau-caráter!”.

Foi mal ou foi mau?

Neste caso, é correto utilizar “foi mal” ao invés de “foi mau”. Simplesmente pelo fato de que mal se refere a algo ruim.

Mal educado ou mau educado?

Se tratando de escrever corretamente, de acordo com a versão oficial da língua portuguesa, as duas formas podem estar corretas, depende do que pretende expressar.

Para indicar pessoas a quem falta educação utiliza-se mal educado.

Para indicar pessoas educadas que não são boas, utiliza-se mau educado.

Mau estar ou mal estar?

A forma correta é mal-estar. O advérbio mal forma com o elemento “estar”, uma expressão que significa indisposição.

Para finalizar…

Agora a sua dúvida sobre qual a diferença de mal ou mal acabou!

O bom é que o quanto antes você entender a forma certa, tanto de falar quanto de escrever, irá melhorar e muito o seu desempenho como um criador de conteúdo.

E queremos te ajudar nessa!

Por isso, fique de olho aqui no blog da Canmore e também em nosso canal do Youtube. Além dessas dicas, você terá muito mais conteúdo exclusivo sobre Marketing Digital.

E claro, deixe aqui nos comentários a sua opinião sobre esse conteúdo, nos diga se ele realmente te ajudou de verdade. Ficaremos felizes em saber 😉

Recomendados para você

1 Comentário

  1. Jose Carlos Ferreira

    Muito bom, muito esclarecedor e didático, mal acabei de ler e por pouco não me senti mau. kkkk

    Abraço

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *