fbpx

Palavras-chave: o que são e como escolher as ideais para SEO

Muito se fala em palavras-chave, mas nem todo mundo sabe para o que de fato elas servem e o quanto são importantes para qualquer negócio que esteja na internet.

Bom, antes de começarmos responda a uma pergunta: você gostaria de estar em primeiro lugar no Google para todos os termos do seu mercado?

Apostamos que a resposta foi sim.



Pois é, as palavras-chave são o caminho para isso acontecer. 

Imagine só você recebendo milhares ou até mesmo milhões de visitas por mês em seu site? Seria tudo de bom, não é mesmo?

E isso só será possível se você entender mais sobre SEO (Otimização para os Mecanismos de Busca, como o Google), Marketing de Conteúdo e principalmente, sobre como funcionam as palavras-chave.

Isso porque foi-se a época em que bastava repetir um termo várias e várias vezes ao longo do texto para estar nas primeiras posições do Google, inclusive isso é uma prática que pode destruir a reputação do seu site perante os buscadores. Mas não se preocupe com isso agora, falaremos disso mais adiante.

O que você precisa entender agora é que são as palavras-chave que mapearão seus conteúdos para os buscadores entenderem sobre do que ele se trata e mostrar para as pessoas certas. 

Depois deste conteúdo você saberá tudo sobre elas e temos certeza de que isso irá garantir uma boa parte do sucesso do seu negócio na internet, seja o seu site, redes sociais ou até mesmo seu canal no Youtube. 

Assim, você aumenta suas chances de ser o primeiro lugar nas pesquisas e consequentemente, tem chances de duplicar ou até mesmo triplicar seu tráfego e potenciais clientes.

Bom, aposto que você agora está curioso para saber o que são palavras-chave, como escolhê-las e como utilizá-las corretamente. Então, continue a leitura e aprenda: 

  • O que são palavras-chave?
  • Palavras-chave ou palavras-chaves?
  • Por que as palavras-chave são tão importantes para o seu negócio?
  • Como escolher as palavras-chave certas?
  • Keyword Stuffing: cuidado!
  • Palavras-chave negativas: o que é isso?
  • Intenção da palavra-chave
  • Ferramentas de palavras-chave para sua busca
  • Qual a relação entre palavras-chave e SEO?


Parece muito? Chora não. 

Continue com a gente até o final e temos certeza de que você sairá daqui com um conhecimento que poucos tem, e com isso, sair na frente da concorrência.

Vamos lá?

O que são palavras-chave?

Uma palavra-chave é a palavra ou termo principal de um determinado conteúdo, ou seja, todo o conteúdo gira em torno de uma palavra-chave específica.

É através das palavras-chave que os mecanismos de busca como o Google e Youtube, conseguem encontrar os artigos de seu blog ou vídeos, por exemplo. 

Veja isso funcionando na prática.



Ao pesquisarmos “como criar um aplicativo”, por exemplo. O Google busca e identifica quais os melhores conteúdos que tem essa palavra-chave como foco, e nos mostra em ordem de importância os resultados, conforme imagem abaixo:

palavras-chave-busca-google

Apostamos que se você reparou na imagem notou que tem algo diferente, não é? O volume de buscas mensais na barra e algumas informações importantes de SEO abaixo dos sites. Calma, a gente não é privilegiado do Google rs.

Utilizamos uma ferramenta maravilhosa que nos mostra isso e muito mais, e que você saberá ao longo deste artigo 😉

Bom, então para resumir as palavras-chave são as palavras principais de seu conteúdo, e o mesmo deve destacar essas palavras-chave, fazendo com que elas estejam presentes em toda sua extensão. Porque é através dessas palavras que será possível encontrar o texto que você deseja, ou fazer com que o seu site apareça para as pessoas certas.

Palavras-chave ou Palavras-chaves?

Antes de entrarmos mais a fundo em como escolher as palavras-chave certas e como funciona, é muito importante saber como escrever o termo corretamente.



Muitos se confundem com o plural deste termo e não sabem se o correto é “Palavras-chave ou Palavras-chaves”, mas estamos aqui para te falar que sim, o certo é: palavras-chave

Pode até parecer estranho no início, mas depois você se acostuma. 

Isso acontece porque  a regra gramatical diz que quando temos nomes compostos com dois substantivos, onde o segundo dá sentido ao primeiro, flexionamos apenas a primeira palavra para o plural.

Bom, se você entendeu o texto acima parabéns, para você que não se dá muito bem com as lindas regras do português, o correto é palavras-chave.

Bom, solucionada a dúvida em relação a gramática, bora entender mais sobre o conceito.

Por que as palavras-chave são tão importantes para o seu negócio?

Como falamos anteriormente, seu conteúdo será encontrado pelos mecanismos de busca através das palavras-chave. Logo, se o seu conteúdo não tem palavras-chave ou possui um mau uso delas, ele continuará no limbo dos buscadores.

Então de nada adiantará todos os seus esforços na criação do conteúdo se o mesmo não possui as técnicas certas para ranquear e estar nas primeiras posições, e muito menos uma palavra-chave específica.

Você percebeu que falamos “buscadores” e não apenas Google, isso porque além de existir outros como o Bing e Yahoo, esse conceito também é aplicado para o Youtube.

Porém, esse termo é mais utilizado e conhecido no marketing digital através da criação de artigos, então vamos falar mais voltado sobre isso. Mas, de qualquer forma, o que muda é apenas o formato e onde serão inseridas as palavras-chave, mas são poucas coisas que dá para utilizar em ambos canais.

Portanto, se você quer aumentar o número de acessos em seu blog, além de um bom plano de marketing de conteúdo, você deve utilizar as palavras-chave a favor de seus artigos para que o Google identifique sobre o que se trata aquele conteúdo ou página, e mostre para as pessoas certas no momento certo.

E além do Google, olhe com outra perspectiva também.

A palavra-chave também é responsável por ajudar seus clientes a resolverem seus problemas.

Isso porque todo mundo que está buscando algo na internet está, muito provavelmente, buscando a resposta para algum de seus problemas. 

Com isso, muito mais que apenas uma ferramenta para aumentar o número de visitas em seu site, as palavras-chave servem para auxiliar as pessoas a solucionarem seus problemas da melhor maneira.

Portanto, ao escrever seu artigo não pense apenas em “ranquear, ranquear e ranquear”, pense em ajudar de fato quem está do outro lado, pensando desta forma, você estará ganhando muito mais que apenas dinheiro 😉

Sem contar que o Google ama conteúdo voltado para o usuário. Isso porque ao criar um conteúdo que engaja, seus visitantes tendem a permanecer mais tempo em seu site e para o Google é um sinal positivo, pois o mesmo saberá que o conteúdo que mostrou realmente é útil e relevante porque a pessoa ficou bastante tempo em seu site.

E uma outra consequência positiva é que o buscador irá mostrar mais vezes o seu conteúdo, desta forma é muito mais fácil você ficar nas primeiras posições.

Por isso, além de escolher uma palavra-chave de qualidade, escreva um conteúdo épico para ter resultados efetivos com seu blog.

Realize pesquisas, faça uma lista de palavras-chave, revise e refaça. Invista tempo na busca por palavras-chave relevantes e tenha certeza que elas trarão ótimos resultados – para seu público e para o seu negócio.

Como escolher as palavras-chave certas?

Agora que você já sabe o que são palavras-chave e o porquê elas são tão importantes para o marketing digital do seu negócio, chegou a hora de aprender como escolher as palavras-chave certas para o seu negócio.



A primeira dica é escolher as palavras-chave que estiverem de acordo com o seu nicho de mercado, ou seja, termos relacionados com o assunto que você cobre em seu site e blog.

Isso porque escolher palavras-chave aleatórias que não fazem sentido com o seu negócio, somente pelo seu volume de busca alto, é um tiro no pé. Já que o Google não entenderá sobre o que de fato é o seu negócio, e por consequência não irá te ranquear em nenhum assunto.

Cada tema possui um tipo de palavra-chave diferente. Entender e saber como escolhê-las é o que fará com que o seu artigo seja encontrado com maior facilidade e esteja bem ranqueado nos sites de pesquisa.

Agora vamos apresentar alguns pontos que você deve se atentar na hora da escolha das palavras-chave para o seu negócio, pois como viu saber como escolher as palavras-chave certas faz total diferença. Esses pontos são:

  • Volume de busca;
  • Dificuldade de SEO;
  • Saiba tudo sobre sua persona;
  • Concorrência;
  • Head Tail x Long Tail (Cauda Curta ou Cauda Longa).


Volume de busca

O volume de busca é a quantidade de vezes que aquela palavra-chave é utilizada pelas pessoas para pesquisar um determinado conteúdo. 

Naturalmente, existem palavras que são mais procuradas e pesquisadas que outras. E com certeza dentro do seu nicho, existem termos que tem um volume de busca maior que outros.

Por este motivo, ao escolher suas palavras-chave se atente em qual o seu volume de busca e avalie se realmente vale a pena ou não investir naquele termo. 

Existem palavras com 0 volume de buscas, ou seja, quase ninguém está procurando sobre aquele tema. Já outras possuem um volume de busca razoável, que pode ser considerado acima de 1000, e claro, também tem palavras que possuem mais de 5.000, 10.000 ou até 1 milhão de buscas.

O que você precisa guardar deste tópico é que ao escolher suas palavras-chave se atente ao seu volume para que não perca tempo nem dinheiro em conteúdos que não tem um bom “custo-benefício”.

Hoje em dia, existem várias ferramentas onde você pode pesquisar o volume de busca de uma palavra-chave, e não se preocupe, falaremos delas nos tópicos seguintes.

Dificuldade de SEO

Além de analisar o volume de busca de sua palavra-chave é muito importante analisar qual a sua dificuldade de SEO, ou seja, o quão difícil será para ranqueá-la.

Um erro comum que muitas pessoas cometem é justamente escolher suas palavras-chave apenas com base em seu volume de busca, e não se atentarem em qual será a dificuldade para colocar aquele conteúdo nas primeiras posições.

É importante ressaltar que ao escolher uma palavra-chave com um volume de pesquisa muito grande, há também uma imensa concorrência por esta palavra. 

O volume de busca deve ser analisado sim, como dissemos no tópico anterior, porém não deixe de levar em consideração a dificuldade que você terá em ranquear essa palavra.

As palavras-chave perfeitas são aquelas que possuem um médio a alto volume de busca com uma dificuldade de SEO baixa ou mediana. Encontre essas palavras e invista agora mesmo!

Saiba tudo sobre sua persona

Outro ponto que você deve se atentar ao escolher as palavras-chave certas para o seu negócio é pensar em sua persona, em outras palavras, em seu cliente ideal.

Ter um profundo entendimento sobre as necessidades e desejos de seu público-alvo é essencial para você conseguir selecionar as melhores palavras-chave para seus conteúdos.

Isso porque as palavras-chave definem os tópicos pelos quais o seu site será encontrado, então é de extrema importância que você seja encontrado em buscas que seus potenciais clientes estejam fazendo, ou eles nunca saberão sobre você.

Você deve se perguntar: “Quais as possíveis pesquisas que meus potenciais clientes estão fazendo, e que eu posso aparecer para ajudá-los?”.

Apenas com a resposta desta pergunta você terá milhares de ideias de palavras-chave que poderá usar em seus conteúdos 😉

Concorrência

Apenas negócios totalmente inovadores não possuem concorrência. Mas se o seu negócio faz parte de um mercado já conhecido, provavelmente já tem alguns concorrentes disputando algumas palavras-chave com você.

Mas caso ainda seus concorrentes não tenham se ligado do quanto é benéfico para um negócio investir em marketing de conteúdo, aproveite essa oportunidade agora mesmo, pois isso pode mudar daqui um tempo.

Supondo que você tenha concorrentes que investem em conteúdo igualmente você, não deixe de analisar qual está sendo a performance deles nos buscadores.

Quais palavras-chave estão utilizando? Qual o tipo de conteúdo que estão criando? Qual a linguagem? Como posso fazer melhor?

Busque sempre analisar sua concorrência, tanto para descobrir possíveis palavras-chave que você também pode utilizar em seus conteúdos, quanto para ver o que poderá agregar ainda mais para a sua audiência.

Head Tail x Long Tail ou Cauda Curta x Cauda Longa

Basicamente, quando estamos falando de palavras-chave existem dois tipos: Head Tail e Long Tail, ou Cauda curta e Cauda longa, como preferir.

De qualquer forma, é bom você entender esses conceitos, para que a sua estratégia de conteúdo seja ainda mais eficiente e profissional.

Vamos te explicar agora o que é e como utilizá-los em seus conteúdos.



Head Tail (Cauda curta)

O próprio nome já entrega do que se trata esse tipo de palavra-chave, mas vale a pena explicar.

As palavras-chave de cauda curta são aquelas compostas por 1 ou 2 palavras que abrangem todo um assunto.

Vamos a um exemplo.

Se você quer pesquisar sobre vendas em geral, sua palavra-chave poderia ser “vendas”, pois a mesma já sintetiza todo o conteúdo em uma única palavra, não é?

Este é o objetivo das palavras de cauda curta.

As palavras-chave head tail são as que possuem maior volume de busca, por serem mais simples. Porém, geralmente elas são as mais concorridas e difíceis de serem ranqueadas.

Long Tail (Cauda Longa)

Em contraste com as palavras-chave de cauda curta, as palavras de cauda longa são compostas por mais de 2 palavras.

Seguindo o mesmo exemplo que citamos acima, caso a pessoa queira saber mais sobre um conteúdo específico de vendas, ao invés de escrever somente “vendas”, ela escreveria algo mais específico como “vendas de imóveis”.

Percebeu que até o contexto já mudou?

Enquanto as palavras-chave de cauda curta podem dar margem a milhares de assuntos, a cauda longa especifica melhor o conteúdo o que, de certa forma, é melhor tanto para você quanto para o seu visitante.

Agora, você deve estar se perguntando: “Qual que eu devo me focar? Palavras-chave de cauda curta ou longa?”.

Bom, se você está começando ou já começou mas ainda não possui milhares de visitantes em seu site, o ideal é que se concentre nas palavras-chave de cauda longa, isso porque é muito mais simples para que você conquiste as primeiras posições de forma mais rápida.

Keyword Stuffing: cuidado!

Você já ouviu falar em Keyword Stuffing?

Ainda não? Tome muito cuidado, pois essa prática pode prejudicar e muito o seu site.

Keyword Stuffing significa, em linhas gerais, spam de palavras-chaves. 

Como você já deve ter percebido, uma das regras para uma boa otimização é que suas palavras-chaves apareçam algumas vezes ao longo do conteúdo.

Porém, há quem exagere e insira os termos de forma descontrolada, o que pode, ao invés de ajudar, prejudicar o desempenho do seu site nos buscadores. 

Essa é uma antiga prática de Black Hat, que nada é que um um conjunto de estratégias de otimização de páginas com o objetivo de conquistar melhores posições nos motores de busca de uma forma rápida, mas eticamente questionável. 

Sites e blogs que ainda tentam utilizar essa prática podem sofrer punições severas dos mecanismos de pesquisa. Como por exemplo, a perda crítica de posições nos mecanismos da página na qual o abuso foi detectado. 

No entanto, em situações severas, ou quando a prática é recorrente nos conteúdos do site, o Google pode até deixar de indexar o link, ou até mesmo banir seu site.

De qualquer forma, o que você deve ter em mente é que um conteúdo que tenta se beneficiar de tal prática pode ser considerado de baixa qualidade. Traduzindo: ou o site está agindo de má-fé, como também não está dando o seu máximo para oferecer o melhor para a sua audiência.

O que são palavras-chave negativas?

As palavras-chave negativas são as palavras opostas de suas palavras-chaves escolhidas.



Se por um lado, você utiliza as palavras-chave para que seu conteúdo seja visto por mais pessoas, por outro, você usará as palavras-chave negativas para que seu texto não seja encontrado.

É importante você saber quais são as palavras-chave negativas para o seu negócio, pois isso irá evitar que um público aleatório, ou seja, que não é o seu alvo, entre em seu site, desperdiçando seu tempo e dinheiro.

Vamos à um exemplo.

Vamos supor que você tem um site onde vende apenas roupas feminina, não masculina, apenas feminina. Então, por este motivo, sua palavra-chave negativa deve ser roupa masculina.

Assim, todas as pessoas que pesquisem por “roupa masculina” não irão se deparar com o seu site ou não verão o seu anúncio em razão da palavra-chave negativa. Isso evitará frustrações por parte do usuário, e dinheiro da sua.

As palavras-chave negativas são mais utilizadas e conhecidas quando estamos nos referindo aos anúncios. No Google Ads, por exemplo, você consegue inserir quais as palavras-chave que você não quer que seu anúncio apareça e desta forma garantir mais assertividade e resultados.

Intenção das palavras-chave

Além de tudo o que você já aprendeu sobre palavras-chave, calma aí que tem mais. 

Cada palavra-chave tem intenções distintas, ou seja, a depender da palavra a intenção do usuário é diferente. E basicamente, existem três tipos de intenções:

  • Navegacional;
  • Informacional;
  • Transacional.

Vamos explicar cada uma delas e dar alguns exemplos, para que você alcance ainda melhores resultados e ganhe vantagem competitiva.

Palavras-chave navegacionais

Bom, existem duas maneiras de você entrar em um site ou blog.

A primeira é digitando o endereço (URL) na aba de pesquisa do seu navegador e ir direto ao seu destino.

A segunda forma é entrar em um site de pesquisa como o Google por exemplo, e digitar a palavra-chave, para que você chegue ao destino desejado.

Por exemplo, vamos imaginar que você queira entrar no Twitter, uma das formas seria entrar no Google e digitar “twitter”. Sem dúvida nenhuma o primeiro link seria aquele que irá diretamente para a home do Twitter.

Este é um exemplo de palavras-chave com intenção de navegação, que nada mais é quando as pessoas já sabem para onde querem ir, e utilizam as palavras-chave certeiras para chegarem ao seu destino.

Ficou claro? Vamos para a próxima.

Palavras-chave informacionais

As palavras-chave informacionais são quando o usuário tem a intenção de obter alguma informação.

Em resumo, é quando alguém entra no Google, ou em qualquer outro buscador, em busca da solução de um problema, ou querendo saber mais sobre um determinado assunto, é nesse momento que ela usa uma palavra-chave com intenção informacional.

Por exemplo, se uma pessoa busca “qual o melhor notebook para trabalhar”, ela quer informações e solucionar sua dúvida, que é descobrir qual o melhor notebook para realizar o seu trabalho.

Ou até mesmo a pessoa busca “sintomas de virose” ou “resultado do jogo de ontem”, a mesma quer informações, e elas podem ser consideradas palavras-chaves informacionais.

Palavras-chave transacionais

As palavras-chave do tipo transacional se trata quando o usuário está realizando uma busca com a intenção de comprar algo.

Por exemplo, se a pessoa busca “tênis de academia preço” no Google as probabilidades que a mesma esteja querendo comprar um tênis de academia são altas.

Logo, esta palavra-chave tem intenção transacional.

Agora que você já sabe quais os 3 tipos de intenção de palavras-chave, é a sua vez de definir quais delas você irá utilizar em sua estratégia de conteúdo. 

Lembre-se que você pode, e deve, inclusive, utilizar as 3, porém não no mesmo contexto.

Ferramentas de palavras-chave para sua busca

Desde os primeiros tópicos apostamos que você está curioso para saber quais as melhores ferramentas para realizar essa busca pelas palavras-chave da melhor forma possível, não é mesmo?



Como prometido, vamos listar abaixo algumas ferramentas ótimas para você encontrar as melhores palavras-chave para o seu negócio de forma simples e prática, e ainda dar aquela espiadinha e saber quais palavras-chave seus concorrentes estão utilizando. 

Vamos lá?

Google Trends

O Google Trends é uma ferramenta gratuita do Google, que mostra a tendência de uma determinada palavra-chave ou assunto. 

Além disso, você também consegue filtrar seus dados com base em um país específico, ou visualizá-los de uma perspectiva global. Como também comparar com algum outro assunto para ver qual está obtendo mais resultados.

palavras-chave-google-trends

Você pode utilizá-la em sua estratégia de palavras-chave para verificar como está a tendência de busca de cada uma de suas palavras-chave. 

Faça uma análise de como cada uma delas está performando, e busque identificar quais são as melhores para o seu investimento.

Planejador de Palavras-chave do Google – o Google Keyword Planner

O Google Keyword Planner é uma ferramenta gratuita disponibilizada dentro do Google Ads. Portanto, para utilizá-la é preciso ter uma conta no Google Ads.

Essa ferramenta é poderosa para encontrar outras centenas de palavras-chave que também podem fazer total sentido com a sua estratégia de conteúdo. 

Ao inserir sua palavra-chave primária, você conseguirá visualizar seus resultados como volume de busca, CPC, dificuldade da concorrência, os lances, etc. Veja um exemplo na imagem abaixo, com o termo “marketing”:

palavras-chave-google-keyword

Com esses dados sobre palavras-chave, você poderá tomar decisões fundamentadas e baseadas em dados. E é exatamente isso que negócios de sucesso fazem 😉

SEMrush

O SEMRush é uma das ferramentas de SEO mais completas do mercado.

Além de mostrar todas as informações necessárias para qualquer palavra-chave, como seu volume de busca, sugestões de outras palavras, dificuldade de SEO, dificuldade paga e o CPC (Custo por clique), ela tem inúmeras outras funcionalidades para turbinar o SEO do site por completo.

palavras-chave-semrush

E se você quer dar aquela espiada em seus concorrentes e descobrir quais as palavras-chaves e páginas que estão gerando mais tráfego para eles, ela te mostra isso e muito mais.

Nós da Canmore utilizamos ela muitas vezes, pois de fato ela arrasa quando o assunto é SEO.

Ela possui versão gratuita, porém com algumas limitações. Mas vale a pena dar uma conferida.

Keywordtool.io

O Keyword Magic Tool é outra ferramenta de SEO ideal para você encontrar palavras-chave em diferentes formatos e obter vários insights de conteúdos relevantes para a sua audiência.

A partir da palavra-chave que você coloca na barra de busca, você tem acesso a uma lista completa com vários termos relacionados que poderá incluir em sua estratégia. 

E o melhor é que ela não apenas mostra os resultados de busca do Google, como também da Amazon, YouTube, Bing e vários outros sites.

Dessa forma, se você está usando SEO para outros sites além do Google, vale a pena dar uma olhada na KeywordTool.io.

Ubersuggest

Sabe aquela ferramenta que comentamos no início do post? É o Ubersuggest.

O Ubersuggest é uma das ferramentas de SEO mais populares no mercado de marketing digital.

Ela é uma ferramenta web, porém a mesma possui uma extensão gratuita que você pode utilizar em seu navegador para visualizar alguns dados sempre que pesquisar algo no Google, como no exemplo abaixo com o termo “como aprender inglês sozinho”:

ubersuggest-seo-1

Ao digitar sua palavra-chave, essa ferramenta já mostra qual o volume de busca mensal, a dificuldade de SEO, dificuldade paga e o CPC.

ubersuggest-seo

Além disso, ela mostra todas as palavras-chave para as quais seus concorrentes ranqueiam e que estão gerando tráfego, e dá sugestões de palavras-chave com base em perguntas, comparações e preposições.

Ela tem uma versão FREE com algumas limitações, incluindo o número de pesquisas diárias e algumas informações. Mas a boa notícia é que seus planos são acessíveis, com preços a partir de $12 USD/mês.

Answer The Public

Answer The Public é uma das melhores ferramentas para você descobrir o que as pessoas estão pesquisando sobre uma determinada palavra-chave.

Ela utiliza o sistema do Google Suggest para encontrar todas as perguntas que as pessoas podem ter em relação a um determinado assunto.

Basta digitar uma palavra-chave para a ferramenta te fornecer uma lista das perguntas que as pessoas estão fazendo sobre ela. Além de mostrar também palavras-chave relacionadas a comparações e preposições.

palavras-chave-answer-the-public

Com ela, você consegue ter inúmeras ideias relevantes para o seu negócio, pois a ferramenta mostra apenas o que de fato as pessoas estão pesquisando.

Qual a relação entre palavras-chave e SEO?

Bom, até agora falamos bastante do termo SEO. Mas você sabe o que é SEO?



De forma muito breve, SEO (Search Engine Optimization) é um conjunto de técnicas e estratégias para a otimização do seu site ou blog para que ele fique bem posicionado nos mecanismos de pesquisas, como o Google.

As palavras-chave fazem parte deste conjunto, e são responsáveis por grande parte do sucesso de sua estratégia de SEO.

Existem muitos profissionais que conseguem escolher muito bem as palavras-chave certas para o seu negócio, porém mesmo assim não conseguem uma boa posição nos buscadores. 

Isso acontece pois justamente esses profissionais não sabem usar as palavras-chave de maneira correta e nos lugares certos.

Por esta razão, vamos falar um pouco mais sobre onde e como palavras-chave podem ser utilizadas em seus artigos para obter um melhor resultado em SEO.

URL

A URL de um site é o campo do navegador onde você normalmente digita o endereço para ir a um determinado site.

url-seo

Uma dica rápida para um melhor SEO é que sua URL seja leve e, se possível, curta. E claro, é de extrema importância que a palavra-chave do seu conteúdo esteja na URL.

Meta Description

O termo pode parecer técnico demais, mas com certeza você já viu uma meta description. 

Ela se trata daquele pequeno resumo que fica abaixo do link do site, nos resultados de pesquisa.

meta-description-seo

A meta description deve ser curta e objetiva, instigando a pessoa a querer saber mais sobre o assunto e clicar no seu link.

Essa ferramenta é poderosa para gerar mais tráfego para seu site, e é imprescindível que a palavra-chave esteja inserida nela.

SEO Title

O SEO Title você também já viu, e inclusive já clicou em um.

Ele nada mais é que aquele título em azul que aparece nas pesquisas, onde você clica para entrar no site desejado.

seo-title

Este é um dos itens que mais chama atenção na hora da busca por se tratar do título, e muito provavelmente será a primeira coisa que o usuário lerá. Por isso, a palavra-chave deve constar no SEO Title.

Title Tag

Em muitos casos, o Title Tag é o mesmo que o título do texto.

title-tag-seo

O title tag deve ser sucinto e simples e com certeza ter sua palavra-chave nesse elemento é muito importante para um melhor SEO.

Fez sua lista de palavras-chave? Seu próximo é…

Agora que você tem criado sua lista de palavras-chave se baseando e utilizando as técnicas e estratégias que falamos neste artigo, é hora de dar os próximos passos…

Aliás, ter uma lista por ter não trará nenhum resultado para o seu negócio.

Então, o que fazer?

Crie sua estratégia de conteúdo

Com sua lista em mãos, ou melhor, em seu computador provavelmente, é hora de elaborar sua estratégia de conteúdo. 

Aliás, do que adianta ter uma linda e poderosa lista de palavras-chave, se não souber como, quando e onde usá-las, não é mesmo?

Coloque em sua estratégia como e quando irá aplicar essas palavras-chave, ou seja, em quais conteúdos. 

Além de saber em quais conteúdos irá utilizar, saber o momento é muito importante. Pois algumas palavras-chave só são procuradas em determinadas épocas do ano.

Analise todos esses fatores e monte uma estratégia de conteúdo única e poderosa para o seu negócio, que fará com que sua lista de palavras-chave seja útil, eficiente e assertiva.

Crie conteúdos épicos

Antes de tudo, uma pergunta: você consegue ler um conteúdo mal escrito e com pouco conteúdo de valor?

Provavelmente sua resposta é um NÃO. Sim, em caps lock ainda, acreditamos.

Por isso, além de escolher as melhores palavras-chave, escreva conteúdos épicos, ou seja, conteúdos que realmente são relevantes para o seu público-alvo, que de fato os ajudem a responder a dúvida que tinham antes de ler seu artigo.

Um conteúdo de valor é aquele que encanta do início ao fim. 

E se você quer ter melhores posições nos mecanismos de pesquisa, investir na construção de conteúdo de qualidade é obrigatório.

Um conteúdo bom com palavras-chave bem trabalhadas, podem entregar resultados que você jamais imaginou para o seu negócio.

Para finalizar…

Ufa!

Esperamos que depois deste conteúdo você tenha aprendido o que são palavras-chaves, como escolher, quais ferramentas utilizar e como criar sua a sua lista para que você tenha melhores resultados em seu SEO.

Queremos saber a sua opinião, o que você achou deste artigo? Deixe nos comentários abaixo se ele te ajudou de alguma forma, ou se tiver alguma dúvida.

Recomendados para você

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *