fbpx

Turbine suas vendas: 12 dicas para vender mais hoje mesmo

Turbine suas vendas com algumas dicas valiosas que separamos para você neste conteúdo.

Pode até parecer uma promessa falsa, aliás: “será que consigo turbinar as vendas do meu negócio com apenas algumas dicas?”.

E a resposta é sim.



Para isso, separamos as melhores estratégias e ações para você impulsionar suas vendas, mesmo em tempos mais difíceis.

Muitos empreendedores acreditam que o melhor a se fazer é o que “todo mundo está fazendo”, e acabam deixando de aprender novas estratégias e caminhos para turbinar suas vendas.

Mas, como você está aqui é porque está buscando inovar suas estratégias de vendas, e assim, impulsioná-las, certo?

Por isso, separamos 12 dicas essenciais que vão turbinar suas vendas independente do seu negócio.

Vamos lá?

O que seria turbine suas vendas?

Turbine suas vendas é uma forma de vender mais os seus produtos ou serviços ao trazer, para o seu negócio, as melhores estratégias de marketing e vendas.

A palavra “turbinar”, em seu sentido figurado, significa: impulsionar, desenvolver ou acelerar o desempenho de algo ou alguém.



E nada melhor do que trazer esta palavra para ter um significado em nossos resultados de vendas, não é mesmo?

Porém fique atento a promessas que podem aparecer pela internet e estratégias que estão desatualizadas, que na verdade só irão prejudicar o desempenho de sua empresa.

Então, para que você realmente turbine suas vendas com táticas que são utilizadas pelas mais renomadas empresas nos dias atuais, vamos para as dicas?

Turbine suas vendas com essas 12 dicas para começar a vender hoje

turbine-suas-vendas-homem-dinheiro-min

Defina seu público-alvo

O ponto de partida para qualquer estratégia de marketing e vendas, é a definição do público-alvo.

Isso porque saber quem você quer atingir é crucial para realizar uma estratégia mais assertiva e eficaz, evitando despesas desnecessárias com divulgações e ações que não trarão retorno.

Aliás, se você não souber quem é o seu público, acabará atingindo qualquer um, e perdendo tempo e dinheiro com pessoas que não estão interessadas em sua solução.

“Mas como definir meu público-alvo?”

A primeira coisa a ser feita, é analisar o seu mercado. Neste primeiro passo, é fundamental entender o comportamento dos consumidores, seus concorrentes, etc.

Para isso responda algumas perguntas:

  • Quais são os comportamentos e hábitos de consumo das pessoas no seu segmento? 
  • Quais são as maiores necessidades, e desejos? 
  • Quais necessidades não estão sendo atendidas, ou estão sendo mal-atendidas?
  • Como é o posicionamento de seus concorrentes no mercado? Quais segmentos atendem? 
  • Quais são as principais tendências no momento? 
  • Como esse cenário pode afetar os consumidores e o seu negócio? 

Após, entender melhor sobre essas questões básicas, tente avaliar o tipo de comportamento de compra de seus potenciais clientes, como:

  • Eles compram mais pela internet ou fisicamente?
  • Qual a frequência que eles compram? 
  • Costumam comprar em datas comemorativas?
  • Quais são seus interesses e dores?
  • Qual forma de pagamento eles preferem?
  • Na hora da compra se baseiam no preço, lugar, marca ou qualidade?
  • Entre outras.

Quanto mais detalhado for o seu estudo do público-alvo, melhor.

Isso porque ao conhecer suas dores, comportamentos e características você conseguirá definir estratégias e ações mais assertivas, e consequentemente, turbinar suas vendas.

Mantenha-se atualizado nas tendências e novidades do mercado

Os negócios que não se renovam são deixados para trás.

Não tem jeito.

Aquelas estratégias do passado, que só irritam os clientes hoje em dia devem ser deixadas de lado, pois isso só irá atrapalhar o desempenho das vendas do seu negócio.

“Mas quais são estas estratégias que não servem mais?”



No mundo do marketing e vendas, tudo está em constante mudança e evolução, e com isso, novidades e tendências sempre aparecem ao decorrer de cada ano.

De forma geral, as estratégias que não estão em alta são aquelas muito agressivas e sem vínculo nenhum com o cliente em si.

Sabe aquelas propagandas intrusivas dos comerciais de TV, ou até mesmo na internet, mostrando o produto e o preço do mesmo, sem criar nenhuma aproximação com a pessoa do outro lado?

Do estilo “compre aqui, esse é o melhor”, e acabou?

Então, essa, por exemplo, é uma estratégia agressiva que hoje em dia, não costuma trazer um retorno legal para os negócios.

Não que você esteja proibido de realizar uma campanha assim, muito pelo contrário só estamos avisando que, definitivamente, ela não é a melhor das estratégias.

Lembrando que muito mais que ficar antenado nas novidades de estratégias, é preciso prestar atenção e seguir as tendências que seu público-alvo está seguindo. 

Vamos a um exemplo, para ficar ainda mais claro.

Imagine que você tem uma marca focada em venda de celulares, e percebe que seus clientes entraram em uma nova onda de algum jogo online. Por que não usar isso para elevar o nível de sua divulgação?

Você poderia realizar a criação de posts em suas redes sociais demonstrando ao público, de forma direta e indireta, que ao comprar os celulares de sua empresa eles vão poder curtir aquele jogo da melhor maneira possível.

Isso, com certeza, chamaria a atenção deles ao ver que a solução para conseguir se divertir, sem que trave e em uma tela agradável, está em comprar aquele celular de sua loja.

Então, fique atento e antenado a essas novas tendências e novidades, e traga isso para seu negócio turbinar suas vendas.

Construa uma identidade visual de impacto, e turbine suas vendas

identidade-visual-dicas-para-turbinar-vendas-min

Vamos fazer um teste.

Pense nas cores vermelho e amarelo, qual é a primeira marca que vem a sua cabeça?

Apostamos que pensou no Mcdonald’s! 

Acertamos? Se sim, ou se não, comente sua resposta nos comentários, estamos curiosos para saber rsrs.

Voltando ao assunto, já parou para pensar do por que seu cérebro associa rapidamente a esta marca apenas tendo duas cores em mente?

A resposta é simples: identidade visual de impacto. 

Aquele “M” amarelo fica em nossas cabeças por ser tão simples e fácil de lembrar.

Então, use esta estratégia que muitas empresas de sucesso utilizam, que é justamente construir uma identidade visual de impacto, e com isso turbine suas vendas.

“Mas, como eu faço isso? Por onde começo a criar a identidade visual da minha marca?”



Recomendamos que você construa esta identidade visual com o apoio de algum profissional de design.

Porque eles conseguem através das características, valores e público-alvo da empresa construir a identidade visual que mais se encaixa com seus objetivos.

Mas caso esteja começando o seu negócio, e ainda não possui estrutura para contratar um designer, pense nas seguintes características para a construção da identidade visual:

  • Determine a personalidade de sua marca;
  • Quais são as cores que representam minha marca? (de preferência escolha uma cor principal, 2 cores primárias, 3 a 5 cores complementares e 2 cores de destaque);
  • Defina um logo simples e de impacto, para facilitar na memorização;
  • Escolha fontes que mais se encaixam com sua marca, dê preferência para duas, com o objetivo de padronizar suas publicações e divulgações.

Melhore o atendimento

O atendimento é um ponto fundamental quando o assunto é turbinar suas vendas.

Por isso, busque sempre melhor o seu atendimento, mesmo que a pessoa ainda não seja sua cliente de fato.

Repare na forma em que o seu negócio se comunica com o seu público, e veja se está de acordo com a imagem que você quer passar para o mercado.

Pode até parecer simples essa dica, mas muitos empreendedores perdem muitas oportunidades de venda por conta da falta de um bom atendimento.

Você já foi em uma loja em que o atendente pareceu nem se importar com sua presença ou até mesmo te tratou mal? 

Acredito que todos nós já passamos por isso, não é mesmo?

E o que acontece depois?

Simplesmente não retornamos àquela loja, e até mesmo falamos mal dela para familiares e amigos, não é verdade?

Por isso, é de extrema importância focar em prestar um bom atendimento para todos, sem exceção, mesmo que a pessoa não venha a se tornar um cliente depois.

E se você pensa que isso acontece apenas em loja física, está enganado.

Isso acontece com frequência em e-commerces também, onde os potenciais clientes enviam uma mensagem à loja e são recebidos e tratados como se fossem mais um número, com zero empatia.



Vamos a um exemplo rápido: se um advogado está procurando por um serviço que o ajude a encontrar novos casos para resolver, ele espera encontrar uma plataforma que se comunique com formalidade.

Mas fuçando pela internet este advogado acaba encontrando uma plataforma que se comunica de um jeito muito informal com gírias. 

Já sabe até onde esta história vai dar certo? Ele simplesmente não irá se identificar com a marca, e irá partir para outra, sem pensar duas vezes.

E não queremos este cenário em nossos negócios, principalmente quando a concorrência é acirrada.

Então, busque sempre melhorar o atendimento do seu negócio de forma geral, e desta forma, turbine suas vendas ainda mais.

Faça e-mail marketing 

Outra dica de ouro que não podemos deixar de lado neste artigo com 12 dicas para que você turbine suas vendas é a estratégia de email marketing.

“Mas o que é e-mail marketing?”

A estratégia de e-mail marketing é um método que usa o email como uma forma de divulgação, com foco em construir e manter um relacionamento com os clientes.

Aumentando assim as chances de conversão em vendas.

Calmô, que não estamos falando de fazer spam.

É importante que a sua lista de emails tenha se inscrito de forma consentida, ou seja, que estejam ali porque te deram a permissão para tal, caso contrário, terá problemas com a Lei LGPD.

Mas, voltando a falar sobre o email marketing…



Ela é uma ótima forma de turbinar as vendas do seu negócio, oferecendo promoções e descontos para quem já te conhece e está em sua base.

E caso você ainda não tenha uma lista de emails, e esteja se perguntando como você pode ter uma lista de potenciais clientes, você pode fazer algumas estratégias para a captação, como:

  • Elaborar um material gratuito (pode ser um treinamento em vídeo, ebook, etc)
  • Criar um cupom de desconto;
  • Desenvolver uma ferramenta e restringir o acesso.

Enfim, as possibilidades são inúmeras.

O importante para conseguir criar uma lista valiosa, é focar em alguma solução que o seu negócio possa oferecer em troca do email do seu público-alvo.

Turbine suas vendas com esta estratégia, e com a próxima que quem está aproveitando, está bombando, hoje em dia.

Invista em marketing de conteúdo

Investir em marketing de conteúdo é o segredo para turbinar suas vendas a médio e longo prazo, de forma totalmente escalável.

Se você tem como objetivo, a médio/longo prazo, diminuir seus custos de aquisição de cliente, o famoso CAC, invista na criação de conteúdo.

Esta estratégia consiste na criação de conteúdos relevantes do seu ramo, enquanto é aplicado técnicas de SEO (Search Engine Optimization), em português: otimização para mecanismos de busca. 

Estes conteúdos podem ser publicados nas redes sociais, blogs ou outras mídias da marca para atrair seu público de forma orgânica, ou seja, sem precisar depender exclusivamente de anúncios.



Em outras palavras, você cria conteúdos gratuitos para que seu público-alvo seja atraído até seu perfil, ou site, e em um futuro próximo o mesmo se torne seu cliente.

É claro que não basta apenas criar conteúdo sem ter uma estratégia por trás, é preciso criar conteúdo estrategicamente para transformar seguidores em clientes sem ser aquele vendedor chato, e para isso sugerimos que você conheça a estratégia de Inbound Marketing

O Inbound, sem dúvida, é a melhor estratégia de marketing digital, capaz de turbinar suas vendas online de uma vez por todas. Então, não esquece de depois ir conferir nosso artigo 😉

Use gatilhos mentais

Os gatilhos mentais servem para gerar uma emoção ou reação no público de uma forma psicológica.

Isto acontece porque nosso cérebro reage de uma forma espontânea com certos estímulos recebidos.

E aí que entra a estratégia, ao decidir qual emoção você quer provocar em seus potenciais clientes.

Se é de urgência, provocando no público uma sensação de oportunidade única para comprar seu produto ou serviço, muito utilizada em promoções e cupons.

Se é uma sensação de autoridade, que coloca sua empresa como a melhor ou referência no mercado em que atua para demonstrar domínio e experiência no assunto.

Ou até mesmo de conexão, onde demonstra os valores de sua marca ao público, estimulando a sensação de satisfação e gratidão ao comprarem seus produtos ou contratarem seus serviços.

Enfim, existem vários outros gatilhos que você pode utilizar para conseguir impulsionar suas vendas, como o de escassez, reciprocidade, prova social, antecipação, novidade, etc.

E você pode utilizar esses gatilhos em diversos locais, como em landing pages, páginas de vendas, email marketing, conteúdo, redes sociais e por aí vai.

O importante é utilizá-los na hora e no momento certos para turbinar suas vendas.

Construa uma base de leads

Já falamos brevemente em um dos tópicos anteriores que ter uma base de leads é muito importante para que você turbine suas vendas.

Aliás, uma base de leads é composta por informações pessoais ou profissionais de seus consumidores, como por exemplo: e-mail, nome completo, telefone ou celular. 

E você como um bom empreendedor ou empreendedora sabe o quanto é fundamental ter informações de seus potenciais clientes para o aumento das vendas, não é mesmo?

E como já citado, mas vale ressaltar, para que os leads tenham vontade de passar seus dados, eles devem receber algum tipo de recompensa, como um treinamento gratuito, ebook, cupom de desconto, etc.



Pense em como fidelizar seus clientes, e turbine suas vendas

Uma outra dica de ouro para que você turbine suas vendas é pensar em formas de como fidelizar os clientes que você já possui.

Muitos empreendedores caem no erro de achar que “comprou, já era”, não é preciso mais correr atrás daquele que já comprou, bora correr atrás de novos clientes.

Mas isso é jogar dinheiro no lixo.

Estudos mostram que custo para conquistar um novo cliente é 25 vezes mais caro do que manter um existente.

Então, que tal impulsionar suas vendas com os clientes que você já tem? 😉

Quer um exemplo prático?

Que pergunta né…

Bom, você poderia criar um programa de fidelização, onde se o seu cliente comprar de sua loja 3 vezes (por exemplo), o próximo produto terá um desconto exclusivo, ou ele ganhará um brinde.

Essa é uma ótima forma de fazer o seu cliente comprar de novo do seu negócio.

Estabeleça um preço competitivo

Como dissemos, é importante gerar esta necessidade de compra no consumidor através de cupons e promoções, mas também não vai extrapolar e oferecer seus produtos a preço de banana, não é mesmo?

Ou até mesmo colocar um preço muito acima, e acabar com um preço nada competitivo.

Então, vamos pensar em uma forma de você achar o equilíbrio perfeito entre um preço justo e a satisfação dos clientes?

O recomendado seria realizar uma pesquisa de mercado e ver qual o preço médio que seus concorrentes oferecem, e a partir daí calcular o custo com os materiais e a mão de obra para chegar a um resultado equilibrado.



No livro do professor William Poundstone chamado: “Preço: o mito do valor justo e como tirar vantagem disso” cita que há um preço psicológico, que ao estabelecer um preço que termine com 9, 99, 98 ou 95, e nunca 00 (preço redondo), as chances de vendas são maiores.

E o melhor, empresas que adotaram essa estratégia conseguiram um desempenho maior que 24%, em média.

Olha que dica de ouro. Já anotou? 😉

Adote a estratégia de retargeting

A estratégia de retargeting, ou remarketing como também é conhecida, é um método de marketing digital que tem como objetivo impactar o usuário pela segunda ou terceira vez, induzindo ele a compra.

O retargeting usa um código que consegue de forma anônima “seguir” o seu público via internet de uma maneira legal e segura. Então, não é invasão ou espionagem de algum hacker, pode ficar tranquilo.

Na prática, ela funciona assim: quando algum interessado entrar em seu site o retargeting vai colocar um cookie no navegador do visitante, sem que cause algum dano ou atrapalhe a navegação do site.

Após ele sair de seu site, sem comprar nenhum produto, ou até mesmo comprando, em algum momento ele irá se deparar com alguma propaganda do seu negócio em algum dos outros sites, fazendo com que ele volte e realize a compra.

Faça mobile marketing

Praticamente todo mundo tem um celular na mão, basta olhar à sua volta.

E isso abre uma oportunidade imensa de captar potenciais clientes para o seu negócio!

Então, aproveite a oportunidade de explorar a estratégia de mobile marketing que é a adaptação do seu negócio para as telas de celulares. 

Como por exemplo: adaptar o formato de seu site para que ele consiga ser acessado em qualquer smartphone.

Mas não para por aí porque vai além disso…

Esta estratégia oferece uma gama de oportunidades para que você consiga realizar ações de marketing em geral nos dispositivos móveis.

“Mas como vou fazer isso?”

Você pode investir na criação de algum aplicativo do seu negócio, já pensou nisso? 



Enfim, as possibilidades são inúmeras.

Ao adotar o mobile marketing, com certeza seu negócio vai atingir um grande número de pessoas. Principalmente se seu público-alvo for adolescente, adultos ou jovens adultos.

Convencido? 

Mas não para por aí porque a gente tem um segredinho para te contar que vai, e muito, turbinar suas vendas online de uma vez por todas.

Vamos lá!

Como turbinar suas vendas online?

Você já se perguntou o que fazer quando suas vendas online estão fracas? 

“Aliás, a internet não é um mar de oportunidades? Por que será então que as minhas vendas não decolaram ainda?”

Sim, a internet, sem dúvida, é um mar gigantesco de oportunidades, mas só aproveita a onda quem sabe nadar 😉

Para vender online, não adianta apenas criar um perfil no Instagram, ou no Facebook, e começar a postar fotos do seu produto ou serviço, ou até mesmo criar um site para ficar às moscas. 

É preciso ter uma estratégia de marketing digital muito bem definida para que suas vendas na internet turbinem.

Já citamos ao longo deste conteúdo, mas vale reforçar que a melhor estratégia de marketing digital é o Inbound Marketing.

Isso porque ele é um conjunto de estratégias que visam atrair seu público-alvo e transformá-los em clientes fiéis a sua marca. 

E o melhor é que esse método serve para qualquer tipo de negócio, seja online ou físico. Ou seja, ninguém fica de fora, todos podem se beneficiar desta estratégia sem exceções ou desculpas.

Então, busque saber tudo sobre esta estratégia para que consiga finalmente alcançar a tão sonhada meta de vendas online. 

E sabe qual a melhor maneira de fazer esse estudo?

É só você ter em mãos o nosso Guia do Inbound que trás um conteúdo completo e sem enrolações desta estratégia que vai, com toda certeza, turbinar suas vendas pela internet como nunca.

Comece a aplicar estas dicas no seu negócio e turbine suas vendas

como-turbinar-suas-vendas-online-min

Agora que você aprendeu as 12 melhores dicas para que seu negócio turbine suas vendas. É hora de colocar em prática tudo o que te falamos até aqui!

Você vai ver que os resultados das vendas do seu negócio irão mudar completamente e seu investimento de tempo e dinheiro nestas estratégias valerão a pena!

E então o que achou deste artigo? E qual dica você vai aplicar primeiro?

Deixe nos comentários abaixo, estamos curiosos para saber!

Recomendados para você

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *